5 dicas para usar o delivery a seu favor e segurar a onda!

Como manter seu negócio ativo em tempos de quarentena? Além de uma questão de sobrevivência, turbinar o canal delivery pode se transformar em um diferencial para o seu negócio. Lembre-se de que essa crise vai passar e, quando isso acontecer, você terá um canal constituído e funcionando bem.

1 – Planeje e prepare o processo

Antes de anunciar o seu delivery com promoções fantasiosas, é fundamental se organizar e colocar na ponta do lápis todo seu processo e custo de entregas. Defina:

Área de entrega;

Horário do delivery;

Equipe para pedidos de entrega.

Em uma situação como essa que estamos passando, a oferta de entregas é grande. Mantenha a qualidade e não frustre a expectativa de seu cliente com um serviço demorado. Definindo esses três pontos acima, você tem meio caminho andado.

2 – Foque nos produtos mais vendidos

Os lançamentos e inovações são importantes, mas, nesse momento que todos os tipos de consumidores estão em casa, os produtos tradicionais são sempre uma boa saída.

O X-Salada pode ter mais saída do que o novo prato elaborado. A blusinha básica pode ser mais requisitada do que as roupas da última moda.

Conquiste o cliente e só então vá apresentando as outras opções.

3 – Onde encontro meus clientes?

Como você vai vender se os clientes não te encontram?

Divulgação é a palavra de ordem. Esteja presente. Os comportamentos mudaram e a concorrência também, por isso é imperativo estar presente.
Para marcar essa presença você pode usar a seu favor o Whatsapp, Facebook, Instagram, Tiktok e outras mídias.

Todas essas ferramentas são gratuitas e não te limitam a ficar aguardando uma ligação.

Não esqueça que o atendimento tem que ser ótimo! Não demore para responder o cliente, seja prestativo e simpático.

Dica extra: utilize sempre o Whatsapp Business. É uma versão que funciona normalmente no celular (e também pode ser usada no computador) onde você adiciona horário de funcionamento, respostas automáticas e cardápio, dentre outras funcionalidades.

4 – Fotografe o que você vende, mas não exagere nos filtros

Tire uma foto com o seu celular mesmo, com um fundo bacana e uma boa luz. Isso pode atrair muitos clientes, visto que eles conseguem ter uma visão do que vão consumir, mas lembre-se de que o fundamental é que o produto apareça e não um monte de letras.

Sempre se pergunte se a foto do produto que você está postando no Instagram e no Facebook está atrativa para você e também pergunte para os que estão em torno o que eles pensam.

5 – A EXPERIÊNCIA DO CLIENTE

O termo “experiência do cliente” reflete o quão agradável foi para o cliente adquirir o seu produto ou serviço. No caso do delivery, podemos considerar o atendimento, a rapidez na entrega, se o produto era gostoso ou parecido com a foto e, ATENÇÃO, se a compra chegou de forma agradável.

Para pensar na experiência do cliente sempre faça essas perguntas:

– Consigo entregar antes do tempo estimado?

– Essa salada vai chegar bonita no sanduíche? E se eu enviar separado?

– Consigo enviar um mimo para surpreender o cliente?

– Essa bolsa do motoboy consegue levar a pizza de forma correta ou ela vai chegar toda bagunçada?

Não menospreze essa etapa! Manter um cliente ativo é tão importante quanto conquistar um novo, ainda mais em tempos de crise.

Tenha na cabeça: Retenção e depois o restante.